Rádio nos Campos Gerais… ainda não perderam a sua força

Continuando nossa série sobre as mídias da região, hoje vamos falar sobre o rádio, uma das mídias mais importantes para a evolução da comunicação mas que parece estar perdendo força com a concorrência das novas mídias…. porém aqui na região isso está bem mais lento.

Como dissemos ali em cima, a rádio é um dos meios de comunicação mais importantes na história, foi um dos primeiros a ser considerado uma mídia de massa, antigamente a rádio era o que hoje em dia é a TV, toda a credibilidade estava lá… com o crescimento do alcance da TV o rádio foi perdendo força… mas ainda é o meio de comunicação com o maior alcance de todos, conseguindo chegar a quase 100% das pessoas.

Muito disso é por ser uma mídia mais barata, acreditem se quiser mas existe uma parcela da população que ainda não tem TV mas conseguem ter um rádio em casa, outra coisa que faz a rádio ser forte é que está presente em quase todos os carros, isso deixa o alcance dela ainda maior.

O rádio está presente, porém vem perdendo espaço, devido a alguns fatores:

1- Primeiro foi o crescimento da TV, que passou a ser o meio de comunicação principal e transformou o rádio em uma mídia secundária.

2- O rádio era a principal fonte de musicas das pessoas, hoje em dia qualquer um baixa a musica na internet e poe no mp3 ou em um pendrive no carro.

3- Antigamente conseguia bater a TV na agilidade, tinha a grade mais flexível e conseguia dar noticias antes… porém a internet quebrou isso de uma forma muito forte.

Demorou um pouco para as rádios notarem o crescimento da internet, era tratada mau até e taxada com uma falta de credibilidade, porém com o tempo foram notando que era o que o público queria e algumas sabiamente usam ela como uma ferramenta de mídia.

O fato é que a rádio ganhou muita concorrência com o tempo, mas nas cidades do interior, como é o caso dos campos gerais, as rádios carregam ainda muita credibilidade. Uma coisa que é comum é dar mais moral para um veiculo de rádio, seja AM ou FM e menos para site e blogs, sendo que muitas vezes as mídias de internet tem mais audiência.

Porém a rádio ainda é uma mídia para se apostar… primeiro que pela sua credibilidade, ela ainda consegue ter mais do que outras mídias mais alternativas, segundo por que alguns programas específicos tem muita força, principalmente os da manha, da hora do almoço e das 6 horas…. basicamente os horários que as pessoas estão transitando de carro… essa hora nenhuma mídia consegue alcançar os carros como a rádio… e por último por que não é uma mídia cara, com um plano bem feito tá pra anunciar o mês inteiro sem colocar muito dinheiro.

Um sentimento meu é que aos poucos a rádio vai perder mais espaço, mas uma mídia que sobrevive a mais de 60 anos não vai cair assim do nada… vai durar muito ainda e ser uma ferramenta muito importante pra gente.

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *