PAPO U – Gazeta do Povo

Na semana passada, fui em um evento do Papo U da Gazeta do Povo. O evento é focado em universitários, por isso o “U” do nome, e contou com a presença de Lucian Woytovicz (prefs de Ctba) e Bic Muller (Morri de Sunga Branca) em um bate papo divertido e produtivo.

O Lucian contou como é o processo do marketing por de trás do facebook da Prefs, falou que quando decidiram realmente fazer isso acontecer na página, foi um processo um pouco longo até que todos se acostumassem e entendessem essa ideia de “zoeira” dentro de uma página de web de um órgão público. Também falou que a Zoeira, não é só a zoeira, tem que saber o limite e que tudo tem consequências.

Seguindo três referências básicas, a página da Prefs no face virou a queridinha de várias outras capitais/cidades e está dando o que falar. Mas como chegar lá? Levando em conta essas três palavrinhas: serviço, cidadania e educação. É assim que Prefs consegue ser um órgão público sério e zueiro ao mesmo tempo na web. “Passar a mensagem de forma zoada, porém de uma maneira leve, vai impactar muito mais do que de forma institucional”, falou Lucian. As marcas precisam estar dispostas a comentar, relacionar-se com o seu público, não basta apenas impactar. É uma via de mão dupla. Claro, nesse processo de transição da Prefs para “uma pessoa legal na web”, as críticas podem surgir e vão surgir, tudo é uma questão de saber lidar!

A Prefs sendo a queridinha do facebook tem total consciência de que eles não são apenas os zueiros, a equipe que conta com oito pessoas (seis para atender e respondera todos + duas para cuidar da página) não apenas interagem com o público, mas também resolvem os seus problemas, muitas vezes em tempo ágil. “O importante é focam no conteúdo relevante para o seu público, tentar atender a todos e valorizar esse público”, disse Lucian.

Em seguida Bic Muller, do blog Morri de Sunga Branca, contou como ser a zueira da internet e tirar proveito disso de uma forma profissional, trabalhar com isso mesmo. Desde o início o blog foi só zoeira, mas sempre trabalhando de um jeito imediato, na hora. A notícia que vem para impactar tem que ser comentada JÁ e nunca AMANHÃ. Essa é a agilidade e a praticidade da internet, no twitter, por exemplo, você nunca fica por fora do que está acontecendo.

Bic concorda com isso, para ela o twitter é o “grande sofá das redes sociais”, tudo acontece no twitter. Mais uma vez, entramos no quesito importância em ter uma proximidade com o público, para a ela, a melhor forma de estar próxima dos seus ídolos e dos seus fãs é o twitter. É tudo muito rápido, aconteceu, comentou, soube, viralizou, acabou, morreu, é hora do próximo assunto.

Algumas perguntinhas que rolaram no evento e as respostas para vocês se interarem um pouco mais desse universo digital:

  1. Como destacar-se na net mesmo com o mercado tão saturado?

Ser simples, ser você mesmo e ter presença digital. É preciso se estabelecer no ambiente digital, também é importante abrir um canal de comunicação, ter essa interação com o público e só assim conseguir conquistar o tão sonhado engajamento. E nunca esquecer que conteúdo é fundamental, sempre falar do que entende e principalmente do que gosta.

  1. Ter todas as redes sociais de uma forma meia boca ou ter apenas uma e focar nessa para fazer bem feito?

Ter aquela que você gosta, que você sempre abre várias vezes por dia para ver as novidades e que você se adequa melhor. Sejam todas ou apenas uma, o importante é você entender que precisa gostar dessa rede social, entender seu funcionamento e FAZER BEM FEITO. Então se você quer ter todas, tenha, mas saiba que isso exige tempo e que você precisa cuidar de todas elas. No início talvez seja melhor ter apenas uma e focar nessa uma, aí em seguida ir abrangendo as demais redes sociais.

  1. Tem alguma coisa que não devemos fazer nas redes sociais e como tratar de assuntos mais sérios?

Não existe um segredo para a internet, qualquer coisa que você faça pode ser um sucesso ou pode ser um fracasso. Tudo é interpretado de formas diferentes, por pessoas diferentes. O importante é ter a reflexão de que o que você fala pode impactar o seu público, Sobre o que não fazer, é o que você não domina. Não adianta criar um canal culinário porque está bombando na net se você não sabe nem fazer um miojo. Não existe umt ema específico sobre o que não falar/fazer, a questão é ter consciência e saber tratar/falar sobre o assunto.

  1. O que fazer nos momentos de bloqueio criativo?

Sempre estar ligado e atento ao que está acontecendo, se está na rua e viu alguma coisa interessante, anotar na hora para não esquecer. Procurar novas referências, pesquisar em lugares novos, estar sempre em busca do novo.

  1. Rola pauta de conteúdo?

Rola e o twitter (olha ele aí de novo!) é uma grande fonte de inspiração. Sempre estar alimentado de conteúdo e referências é o que salva nos momentos de bloqueios criativos também.

Foto: Facebook do Papo U

The following two tabs change content below.
Assessoria Comunica Campos Gerais

Assessoria Comunica Campos Gerais

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *