//Curitibano aderem à tecnologia, mas nem tanto

Curitibano aderem à tecnologia, mas nem tanto

Netflix, Uber, Cabify e Facebook estão na lista de aplicativos que o curitibano aderiu e faz uso frequente. Mas algumas novidades das redes ainda não atingem com a mesma eficiência.

Um estudo realizado pela Associação dos Dirigentes de Vendas do Brasil do Paraná apontou que dos 400 consumidores ouvidos, entre 25 e 55 anos, apenas 2% já fizeram compras de materiais de construção na internet, e 5% abriram conta em bancos totalmente virtuais.

A pesquisa constatou que os aplicativos criados como plataforma complementar de empresas já existentes são melhores aceitos do que os que são totalmente online.

Pensando em compras online, é mais fácil alguém comprar o vestido de formatura do que os alimentos do mês no hipermercado. Apenas 3% dos consumidores fazem uso desse sistema.

A verdade é que, apesar do acesso, os curitibanos continuam mantendo vários hábitos de consumo tradicionais.

Redatora, Jornalista por formação e apaixonada por futebol. Apucaranense de berço e ponta-grossense de coração.